Perpétuo Socorro - Belo Oriente, 28 de outubro de 2021

A Paróquia

Igreja Matriz Nossa Senhora do Perpétuo Socorro

Em 1952 a 1956 foi celebrada a Missa na casa do Sr. Quinzin. Ele era comerciante no bairro que se chama Esplanada.  Foi feita uma reunião com o povo para construção da capela (mutirão). Em 1958 foi celebrada a Missa na nova capela, que foi construída em mutirão pelo povo da localidade de Cachoeira Escura.  A Missa foi presidida pelo Padre Leão que vinha de Coronel Fabriciano nos períodos considerados mais importantes da comunidade católica. Depois vieram outros Padres como: Renato, Joaquim Santana, José Loduvikhs. No período de 1974 a 1976, a comunidade foi assistida pelo Padre José Loduvikhs, que construiu as Obras Sociais, logo após o término desta referida obra, o Padre passou a celebrar as Missas nas Obras Sociais e não mais na Igreja; sendo assim a Igreja ficou abandonada. Com este abandono, a Igreja se tornou morada de cabritos.  Existe ainda informação que a Igreja foi vendida para o Sr. Chamado João Mendes.

Com o passar dos anos, a Igreja foi reformada com muito sacrifício no ano de 1976 e foi ampliada no tamanho de 18m x 12m.

Em uma Missa Presidida pelo então Bispo Diocesano Dom Lelis Lara, foi criada a Paróquia de Nossa Senhora do Perpétuo Socorro.

Desta forma, acompanhe o Decreto de ereção da referida Paróquia: 
Decreto de Ereção da Paróquia.

Aos que este decreto lerem, paz e bênçãos no Senhor.

No cumprimento de nosso dever de Pastor, considerando o notável crescimento geográfico e demográfico do Distrito de Perpétuo Socorro, vulgarmente conhecido como Cachoeira Escura, no município de Belo Oriente, tendo ouvido o Pároco da Paróquia Nossa Senhora da Piedade no mesmo município e membros do Conselho Presbiteral, de acordo com o Cân. 515 § 2, resolvemos erigir a Paróquia Nossa Senhora do Perpétuo Socorro que se constitui do seguinte território: Distrito de Perpétuo Socorro e toda a área que limita com as paróquias de: Santo Antônio (Naque), Santo Estevão (Iapu), Santa Ana (Santana do Paraíso) e Nossa Senhora da Piedade (Belo Oriente). A criação desta paróquia certamente contribuirá para uma melhor ação pastoral que trará maior bem para todos os fiéis.  Itabira, 27 de junho de 2002.
Dom Lélis Lara, C.SS.R – Bispo Diocesano

Nos últimos anos passaram pela administração daquela capela os Padres: Assis, Ribeiro, Ivo, Massimo, Luiz Calos Macedo e Jefferson Cruz Veronês. Atualmente a Paróquia tem como pároco o Pe. José Cláudio Oliveira, que tomou posse no dia 31 de janeiro de 2020.